quinta-feira, 6 de março de 2014

Atividade Paranormal - 4ª Temporada - Capitulo 12 - Colégio abandonado

*Últimos capítulos*


~Dia seguinte~


S/n P.O.V.
Faltava apenas um dia para o grande fim-de-semana, estava completamente anciosa por amanhã ser dos nossos últimos dias de diversão a sério antes de voltarmos a nossas vidas normais. Queria aproveitar ao máximo, nada de brigas e nada de tristezas. Apesar de tudo o que aconteceu esse ano foi espetacular e impossível de esquecer, todas as confusões ... acho que tudo me tornou alguém diferente, tudo me tranformou na verdadeira s/n! Acabei de acordar ouvindo a porta do quarto do Louis que era mesmo em frente, havia o barulho de coisas quebrando parecia vir lá de baixo. Confesso que tudo aquilo me estava assustando  ... mantive-me sentada na cama agarrando os cobertores contra mim. De repente a janela de meu quarto abre-se furiosamente batendo contra as paredes e fazendo com que um vidro quebrasse, soltei um pequeno grito dando um pulo para trás na cama e me encolhendo mais. Lá fora não fazia vento nenhum apenas chovia forte o que era estranho num dia de verão ... estava se passando algo estranho, tinha o pressentimento que o que minha mãe me disse tinha haver com isso, mas não conseguia entender como isso estava ligado. Um grito irritante e muito fino ecoou por toda a casa e as luzes se apagaram ... eu reconhecia essa voz ... mas não fazia sentindo! Corri depressa para acender a luz mas nada, saí do quarto e caminhei lentamente até ás escadas, a casa parecia vazia. As luzes voltaram a se ligar novamente ... talvez tenha sido apenas um apagão. Soltei um suspiro de alivio e me voltei para o corredor indo até ao quarto mas sinto minha camisola ser agarrada atrás por alguém que me puxa bruscamente e joga meu corpo das escadas abaixo. Meu corpo cai no fundo, sentia a cabeça andar á roda e o corpo todo dolorido, meu corpo estava estendido no chão sem fazer qualquer movimento, apoei minha mão fazendo força no chão para levantar meu tronco com dificuldade, olhei as escadas para ver quem era ... Ela?? ... agora eu entendia tudo,  minha mãe sabia perfeitamente que ela voltaria! Tentei recuperar todas as minhas forças e me levantar depressa, a mulher se aproximava de mim, meu corpo não reagia ... Fodasse s/n ... olhei tudo em minha volta tentando topar algo para me defender, havia mesmo na minha frente uma mesinha, então logo dei um chuto nela fazendo a mulher cair no chão. Cerrei meus olhos tentando que a dor desaparecesse e me levantei, senti minhas pernas ainda balançarem um pouco mas consegui me manter de pé e correr para o lado de fora da casa ... minha perna estava toda arranhada e sangrando. Remexi em todos os armários da cozinha procorando algo para estancar o sangue. Meu corpo estava tremendo de um jeito incontrolável, tinha que me despachar e sair dali. Peguei um pedaço de gesso que encontrei e os rolei á volta da perna, abri a caixa da eletricidade e liguei a luz, ela odiava luz, seu olhar e seu corpo não resistiam. Saí para fora finalmente trancando a porta da cozinha primeiro e corri para o muro da casa ... e agora?? Eu não ia conseguir saltar isso sozinha!! ... Tinha que tentar pelo menos, comecei subindo, sentia meus braços sendo arranhados pela pedra á medida que subia o muro, finalmente minha mão alcançou o topo do muro, fiz um pouco de mais força e impulsionei minha perna para saltar fora mas vi meu corpo ser atirado para baixo novamente e minha visão começa ficando embaçada...


Patricia P.O.V.
Acordei assustada com barulhos vindos lá de baixo e me levantei depressa, quando abri a porta vi a Nocas e a Elodie saindo dos seus quartos também e me olhando assustadas do mesmo jeito que eu. Engolimos seco ao ouvir o som de um grito, aparecia desesperado, sua voz era muito fina e aguda, ... mas essa voz era da ... da mulher... meu coração parecia ter parado de bater naquele momento. Vi que a porta do quarto do Zayn estava aberta ... a s/n!! Corri depressa e elas seguiram comigo até ás escadas. Havia um rasto de sangue no fundo ... tentamos abrir todas as portas mas estavam trancadas, não havia maneira de sairmos dali!


Zayn P.O.V.
Hoje acordei mais cedo, eu e os rapazes tinhamos de gravar a música do novo albúm. Logo que acabamos eles ainda iam ficar no estúdio mas eu hoje tinha uma surpresa para s/n por isso não queria esperar mais!! Peguei meu casaco o vesti e saí a porta ... Poxaa que dia frio para ser Verão!! Coloquei meu capuz e uns óculos de sol para que niguém me reconhecesse na rua e segui até casa. Houve um momento que me pareceu ter alguem me seguindo ... ou talvez fosse apenas impressao minha!
XXX: Parece-me que temos contas a acertar! - alguém agarrou meu pulso me prendendo contra si e sussurrou em meu ouvido. Me voltei furiosamente para trás o empurrando ...
Eu: Rayn?? - perguntei confuso ... e agora?? O que eu fazia?? Fodasse só faço merda! Ele aproximou-se de mim e sacou uma arma do bolso a apontando em minha barriga disfarçadamente, poderia aparecer alguém  ... estremeci um pouco e engoli seco. - Que é que queres??
Rayn: Você vai descobrir! - ele falou e nesse momento um carro parou mesmo junto de nós e ele me jogou lá para dentro consigo, o homem que conduzia arrancou furiosamente (...) Chegamos numa casa abandonada, ele me levou para dentro, mal entramos vi Alex jogado no chão, suas mãos estavam presas e seu rosto tinha algumas feridas, ao seu lado haviam dois homens que nunca antes tinha visto todos vestidos de preto, Rayn me jogou pro chão também e foi pra junto de uma mulher ... Ashley?? Essa desgraçada conhecia o Rayn?? Puta do caralho, traidora, isso significava que ela só se tinha aproximado do Alex para nos controlar!! Cabra ... o Alex devia estar destroçado caralho, ele gostava mesmo dela. A gente confiou nela e essa vaca nos entregou pro filho da puta do nosso inimigo!
Eu: O que você faz aqui?? - ela não me respondeu apenas deu um sorriso falso e se apoiou no ombro de Rayn. Via o ódio com que Alex a olhava.- Vadia você deixou que a gente confiasse em você, traidora do caralho!! - me levantei mas logo um dos homens de Rayn me impediu de seguir para eles. - Porque voltou?? Eu já paguei minha divida com você Rayn, agora quer o quê hein??
Rayn: Vingança ... Vocês dois me entregaram para a policia. E agora espera o quê?? Que eu ficasse parado vendo vocês dois felizes é?!! - ele gargalhou alto.
Eu: E porque usou a Ashley??
Rayn: Eu conheço a Ashley desde que a gente é criança. Sempre planejei tudo com ela, e dessa vez ela bastou aparecer na vida do Alex para roubar seu coração e conquistar a confiança de todo o mundo!! Vocês saõ tão idiotas!!
Ashley:  Nem tudo o que parece é Zayn ... - sorriu cínica.
Alex: CALA A BOCA SUA PUTA, você não vale mesmo nada!! Fez passar por alguém que não era e me fez confiar em sua palavra ... – ele ia falando nervoso e via seus olhos se enchendo de raiva, ódio e lágrimas se formarem neles. Eu nunca antes vi o Alkex desse jeito. - Eu vou acabar com a raça de cada um de vocês dois caralho!! - ele se levantou, um dos homens ainda o tentou impedir mas ele o jogou pro lado e agarrou Ashley pelo braço - Você me traiu vadia! - Rayn a soltou de Alex e o voltaram a afastar.
Rayn: Eu matei a Lice ... e eu vou matar cada um de vocês ... Você e o Alex vão hoje!
Eu: O que você fez com o Justin??
Rayn: Você podia estar do meu lado hoje sabia Zayn!! Te dei oportunidade de ser da família mas você preferiu gente comos os Dawnson ... e o Bieber, bem o Bieber ficou do seu lado e você jogou nele a culpa da morte da Lice!! Ahaha é incrivel ver vocês cairem fundo cada vez mais!
Eu: O QUE VOCÊ FEZ COM ELE AFINAL CARALHO?? - gritei e logo se ouviu a porta a abrir ... aquele lugar estava caindo aos pedaços, as janelas tinham os vidros partidos, haviam teias de areia em todo lugar e a madeira do chão e das portas rangia só com um pequeno movimento seu.
XXX: Solta meu braço filho da puta de merda!! Está me trazendo para aqui porquê?? EU FIZ UMA PERGUNTA PARA VOCÊ CARALHO,  E SEU EU PERGUNTO VOCÊ RESPONDE OTÁRIO!! - ouvia alguém do lado de fora.- Quer dinheiro?? Se é isso eu te pag ... - um garoto foi atirado também lá para dentro ... Bieber! ... ohh deus, eu reconhecia aquele lugar, esse era o colégio abandonado ...
Justin: Rayn??
Rayn: E que o jogo comece!! - ele dá uma gargalhada e pega um fósfero do bolso, Ashley o olha estranho como se não percebesse o que ele iria fazer, sinto meu pé em cima de algo, um cheiro a gasolina se entranha em minhas narinas.
Alex: O que quer dizer com isso?? - Filho da puta, ele ia jogar fogo na casa e nos deixar lá dentro (...) De repente ouvimos um barulho vindo lá de cima e uma corrente de ar percorreu toda a casa apagando o fósfero que Rayn tinha na mão e fazendo as cortinas esvoaçar e mais vidros se partirem ... o que havia ali??
XXX: ZAYNNNN!! - s/n??? O que ela estava fazendo ali?! Alex e Justin me olharam com os olhos arregalados, o que eu fazia ali parado?? Corri para cima depressa, o grito parecia vindo de uma das salas ...


S/n P.O.V.
Depois de sentir meu corpo tombar não me lembro de mais nada apenas de começar a acordar num lugar ... parecia uma casa abandonada ... haviam um cheiro a velho ali.
Eu: Zazza ... - sussurrei o seu nome.
Mulher: Hey princesinha!! - ela apareceu ali mesmo na minha frente.
Eu: ZAYNNNN!! - gritei ... por favor alguém que me ajude eu não sei mais por onde fugir!  Ela ia me matar ... as lágrimas rolavam de meus olhos correndo meu rosto e caindo sobre minha blusa... 


Alex P.O.V.
O chão da casa começou rangendo forte e os vidros das janelas iam-se partindo, ouvimos a voz da s/n pedir socorro lá em cima, o Rayn não entendia o que se passava e nem mesmo eu conseguia perceber, mas o Zayn e o Justin pareciam saber. Notei em Rayn que estava nervoso e vi-a seu coração palpitar transparecendo em sua camisa. Sequei as lágrimas com o punho do meu casaco e me levantei indo até Rayn e o encostando contra a parede.
Eu: Desaparece daqui, desaparece de nossas vidas ... ou então, eu acabo com você aqui mesmo Rayn! - arranquei a arma de sua mão e a apontei na sua cabeça, minha raiva era incontrolável.
Rayn: O- o q...que se está p-passando aqui?? - ele perguntou. Eu não sabia , o que eu sabia era que minha vontade era matá-lo naquele momento, sacar o revólver e disparar, meu sangue fervia... - Alex pensa bem antes de fazer isso! - ele estava com medo, sabia bem que minha raiva não me impediria de o matar.
Eu: CALA-TE DESGRAÇADO!! - gritei nervoso, meus músculos estavam tensos, eu me tentava segurar para não acabar com a vida dele ali. Senti os homens dele me agarrem e  puxarem para trás socando minha barriga e jogando pro chão.
Rayn: NAO... Parem!! Deixem-o ... Vamos sair desse lugar, isto parece estar assombrado caralho!!! - eles ficaram parados o olhando - EU DISSE PARA SAIREM!! - os homens foram para a porta, Alex me olhou e de seguida atirou fogo na casa ... cabrão!! - Eu disse que ganhava esse jogo Alex!!
Ashley: Rayn!! - ela o chamou mas ele simplesmente a ignorou a saiu trancando a porta. O fogo tornava-se cada vez maior ... olhei para ela e vi-a chorar desesperadamente.

Continua...

xxAndy                                                               


2 comentários: