domingo, 27 de outubro de 2013

Magic - 3ª Temporada - Capitulo 7 - Pronta?



Zayn: Desde então eu venho pra cá todos os dias… - ele suspirou, o olhar baixo, amedrontado, talvez com minha reação…

Eu: Eu… eu não sei o que dizer… - algumas imagens passavam por minha mente. Então eu percebi minha discussão toda com joe… uma luz branca passou por frente de meus olhos e uma dor repentina passou em minha cabeça… então eu lembrei de patricia e joe… ele é bem pior do que eu alguma vez imaginei… eu diria mesmo… um monstro…

 

 

Patricia P.O.V.

 

Eu: Bem, eu vou sair! Vou até lá a casa ver se está tudo em ordem!! – afirmei, esperando nada dar errado. Dirigi meu olhar a Zayn, esperando ele não fazer baboseiras – e ve se não arranja problemas, já tem idade pra isso!! Xau!! – falei, bati a porta. Saí, segui direito pra casa. Ainda era cedo, cerca de 6h30min da manha, marcava meu relógio… abri a porta, tentando não fazer barulho, tomei um susto… - Ahhh!! Poxa Louis, que susto!! – falei com voz acelerada, devido ao susto.

Louis: Desculpa… e-eu… - ele suspirou, a frase fora largada no ar, interrompida, apenas nossas respirações podiam ser ouvidas… eu teria feito algo? Terá algo acontecido? Eu nunca vi ele tao triste assim…já vi irritado, contente, irrequieto… mas nunca o vi desse jeito, nunca o vi tao desanimado…

Eu: Lo-louis… - segurei em seu rosto, ele me olha, seus olhos brilhavam… - o que se passa? Fala pra mim… por favor…

Louis: Eu tenho saudades… de nós… nós juntos…nossas brincadeira parvas… - ele sorri - eu não consigo ficar assim com esse idiota aqui… desculpa mas eu não consigo… - seus olhos brilhavam muito com a luz do sol nascendo ao longe… ele sai ca pra fora, juntando nossos corpos, abracei ele. Ele segura minha cabeça contra seu peito, beijando o topo de minha cabeça. Sinto a porta se fechar.

Eu: Eu… eu queria isso diferente… eu pensei em tanta coisa pra nós…  eu… eu não pedi pra ele voltar…

Louis: Não tem problema… não foi você que escolheu… - ele separa nossos corpos, me encarando - vamos sair daqui, dar uma volta… quero te levar a um sitio! – assenti. Começamos caminhando pelas ruas desertas… eu adorava caminhar, o silencio permanecia, embora um silencio acolhedor, caminhávamos juntos, ele abraçava minha cintura de lado, enquanto eu apoio minha cabeça em seu ombro. Depois de alguns momentos chegamos em um local vazio, apenas nós estávamos lá. Era um parque de diversões… Percebi depois a presença de algumas pessoas, elas começavam chegando aos poucos… como assim? São 7h da manha, isto está sequer aberto, eu posso entrar? Pelos vistos… sim!! Sorri ao olhar pra ele e ver um sorriso brincalhão nascer em seus lábios… - então… pronta?

Eu: Mais do que nunca!! – ele sorri sapeca, começamos a correr em direção aos carrosséis, feitos que nem duas crianças, e depois de alguns momentos aquilo já voava, eu gritava que nem uma louca, agarrando na mão de Louis – LOUISSSS SEU BUNDUDO, NUNCA MAIS ALGUÉM VAI ME COLOCAR EM CAROSSEIS!!! AHHHHHHH – ele me olhava enquanto aquilo dava voltas e mais voltas, ele ria que nem um idiota, por momentos fez-me sorrir a mim também com minha idiotice… finalmente parou… - eu.nunca.mais… - tentei acalmar minha respiração, muito acelerada, mas por muito que irritada com isso, eu ria que nem uma boba, via Louis quase rebolar no chão de tanto rir. – para com isso boo…eu. eu tava com medo e você ri de mim? Poxa…

Louis: Awnn não fica assim, só foi muito engraçado ver você espernear que nem uma louca ali no carrossel!!

Eu: Atá… esquece que alguma vez me conheceu então… - fiz cara feia, virando costas pra ele, sinto ele abraçar-me por trás, ainda rindo um pouquinho – ahh agora vem ter comigo né?

Louis: ohh não fica assim, vamos… sei lá… vamos dar uma volta ali, perto da piscina? – ri, enquanto me preparava para correr.

Eu: Pra isso tem de me apanhar primeirrroooo, xauu!! – comecei correndo, com o passar do tempo quase sentia meus pés voarem, eu não me lembro de correr tão rápido assim, senti passos pesados atrás de mim, ele estava perto de me alcançar, varias gargalhadas eram largadas no ar, eu corria por entre as pessoas, batendo contra elas, até que depois de alguma distância meus pés estavam já cansados e minhas pernas não aguentariam mais… - sinto alguém me tocar, ou neste caso, me agarrar e me jogar no chão com ela, sinto minhas costas baterem em algo suave, na relva…

Louis: Quem diria que você correria tão rápido hein? – ele fala ofegante, deitado por cima de mim, com os cotovelos no chão apoiando seu corpo cansado, me encurralando, eu não tinha por onde  sair mesmo… gargalhávamos juntos, olhei em redor… estávamos perto de um lago, completamente sozinhos… então minha respiração se descompassou ainda mais quando sinto sua respiração se cruzando com a minha, e seus lábios quentes tocarem minha testa, até descerem por minha bochecha e finalmente um selinho se formar, lentamente formado em um beijo mais forte… sentia que o clima ia crescendo, meu corpo aquecia aos poucos, então uma de suas mãos escorrega por minha perna, a elevando. Entrelaço meus dedos por entre seus fios de cabelo, rodamos, eu estava agora sentada em cima de seu abdómen, ele ria baixinho enquanto seu olhar se fixava no meu, sinto minha cintura sendo apertada. Apanho meu cabelo o amarrando de um lado, baixo meu tronco chegando novamente a seus lábios, enquanto sua outra mão livre levantava parte de minha camisola. Sinto algo por baixo de mim, então lembro que eu estava sentada em cima de seus abdómen, corei um pouco, envergonhada. – Não precisa ficar assim… afinal, você já sabia que tinha esse efeito sobre mim não é? – ele falava calmo, tentando me acalmar também, mas na realidade, eu não estava calma, eu estava em longe disso. Eu, bem… eu não era virgem, eu perdi minha virgindade com aquele filho da puta do joe mas… é diferente, com ele é diferente. Respirei fundo, libertando minha mente, ele era bem mais carinhoso e… eu posso mesmo dizer mais gostoso do que o joe! Embora ele fosse um idiota (joe), ele era gostoso isso sim, o rapaz desejado por todas as garotas da escola lá… mas para que isso se ele é um completo palerma?! Começo sentindo meu corpo rebolar, talvez fosse da minha imaginação mas… olhei então rapidamente e logo me apercebi que ambos acabáramos caindo dentro do lago… entrelacei minhas pernas em redor da cintura de Louis, enquanto ele segurava em minha cintura e eu apoiava meus braços ao redor de seus pescoço, nossos corpos molhados nos unindo ainda mais... Ambos gargalhávamos muito, como fomos cair dentro do lago? Uma pergunta interessante, porém… nem eu mesma sei responder. Olhei em seus olhos, ele me encarava já, sorrindo sempre a todo o momento…

Louis: Parece que não vai ser desta… - ele falou sorrindo de canto, com uma pontinha de malicia no olhar…

Eu: Parece que não… - retribui com um sorriso brincalhão…

 

Continua...

----------------------------------------Patrícia-----------

6 comentários:

  1. Adoreiiiiii d++ Patrícia queria pedir pra voc fazer um imagine com o Harry e o Niall por favor voc é d+ sou sua fã voc é d++ msm e eu adorei esse cap adoro essa fic :* beijoSs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. wow!! se eu tivesse que escolher alguém a dar um beijo eu escolhia vc!! ahahah MUITO obrigada <3 eu vo tentar fazer sim, mas não prometo que esteja já prontinho!! :3
      xxpatricia

      Excluir
    2. vlw u.u voc me escolheria pra da um beijo u.u q legal kkkk

      Excluir
  2. como voc fez esse blog?? voc paga pra ter ele?? ele é d+++

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não, eu não pago pra ter ele... basta ir ao blogger e criar lá!! :) e obrigadaaa kkkk ;)
      xxpatricia

      Excluir
  3. Patricia passa seu face pra miim por favor e eu fiz um imagine com o Niall e queria muito q voc postasse no seu blog por favor acho q de todos os imagines q eu fiz esse foi o melhor
    por favooorrr

    ResponderExcluir