segunda-feira, 22 de julho de 2013

Atividade Paranormal - 2ª Temporada - Capitulo 7 - Visita Inesperada

 
 

Zayn: Pronta?

S/n: Hmmm ... aaaa .... você me segura né? - ele sorriu e logo depois me deu sua mão e comecei a andar.


Aquilo não era assim tão difícil e até que era divertido. Quando estávamos andando alguém acabou esbarrando no Zayn fazendo ele me soltar a mão e eu desequilibrar. Eu estava quase caindo no chão quando sinto a mão de Zayn me agarrar forte e puxar pela cintura pra si, eu conseguia até sentir as batidas do seu coração fortes contra meu peito que também batia acelerado e seu corpo quente tapava o meu.

Zayn: Tá bem princesa? - disse colocando minha cabeça no seu peito e acariciando meus cabelos.

S/n: Tou bem Zazza não se preocupe ... Obrigada!

Patrícia: Você tá bem s/n? - disse correndo até mim.

Elodie: Esses filhos da puta vem pra aqui sem saber andar e depois esbarram contra os outros ... Mas você se machucou muito?

Zayn: Ela tá bem ... Eu acho melhor ir pro colégio, já tá fazendo tarde!

Louis: Nós também vamos! - eu e o Zayn fomos indo pro colégio junto porque os outros ainda iam passar no starbucks pra comer. Durante o caminho um carro nos apitou quando estávamos andando e parou do nosso lado abrindo o vidro e nos falando.

XXX: OH princesa, você comigo era rainha!

 XXX2: Te comia todinha!!

Zayn: REPETE ISSO OUTRA VEZ FILHO DA PUTA!

XXX: Hey ó babe deixa aí o pãozinho sem sal e vem aqui ao papa! – eles falavam pra mim, era isso?

Zayn: Oh caralho, cala essa boca, deficiente mental ... Eu te digo o pãozinho sem sal paneleiro!

XXX2: Cala a boca rapaz nós tamos falando pra gostosa aí do seu lado!

Zayn: QUE POR ACASO É MINHA NAMORADA!

XXX: Vai-se foder ... Ela é muita areia pro seu camião ... Hey gatinha vem aqui...

Zayn: Eu te digo a gatinha filho da puta do caralho ... - Zayn avançou pra junto do carro que tinha uns quatro garotos lá dentro, podia ver suas veias engrossarem, ele cerrava os punhos com força à medida que avançava. Zayn abriu a porta do carro e jogou um dos garotos pro chão bruscamente.

S/n: ZAYN! - eu fiquei parada, mesmo sabendo que aquilo não vinha boa coisa.

XXX: Deixa aí a princesa, gatinha! Se ela quer porrada é porrada que vai levar! - o garoto deu um soco na cara do Zayn que logo o chutou dando com seu joelho na barriga do rapaz.

S/n: Zayn pára com isso ... Vamos embora logo! - senti meu corpo todo arrepiar quando o garoto voltou a socar Zayn na barriga fazendo ele soltar um gemido de dor ... Eu queria ir lá e o defender mas meu corpo congelou completamente. O Zayn estava todo machucado, o garoto realmente era muito forte.

XXX: SABE O QUE EU VOU FAZER À SUA GAROTINHA QUANDO VOCÊ TIVER AÍ ESTENDIDO NO MEIO DO CHÃO? - gritou chutando a barriga de Zayn que levou lá suas mãos pra tentar acalmar a dor.

Zayn: Cala.a.boca.seu.filho.da.puta.você.não.vai.tocar.nela ... - ele se contorcia de dores no chão junto do carro.

XXX: ELA VAI GRITAR MEU NOME, VAI PROVAR AQUI O GOSTOSO QUE DEU UMA COÇA NO NAMORADO DELA!!

S/n: Vai embora seu imbecil! - disse pro rapaz que me olhou sério e eu abracei o Zayn, colocando sua cabeça no meu peito.

XXX3: CARA VAMOS BASAR! VEM AÍ A BÓFIA CARALHO! - um dos rapazes gritou dentro do carro.

XXX: Puta que pariu ... - ele falou sussurando e nos olhou irritado e virou costas entrando no carro.

S/n: zazza… - meus olhos deixaram as lágrimas cair. Ele levou sua mão ao meu rosto com dificuldade e limpou minhas lágrimas. O ajudei a se levantar e apoiei seu braço em roda do meu pescoço tentando suportar o peso do seu corpo o que era difícil.

Zayn: Não têm que suportar meu peso, eu consigo ir sozinho! - ele sorriu.

S/n: Tá calado mas é! - comecei a andar ajudando Zayn.

Zayn: Você tá brava comigo?

S/n: Não, mas eu não quero que você se machuque e depois fique desse jeito Zazza!

Zayn: E acha que eu ia ficar ouvindo as bocas desses babacas pra você? Eu sei que você é gostosa e tudo isso mas só seu namorado tem direito de dizer né? - sorri - Eu até podia levar assim todos os dias pra poder tar assim amarradinho a você!

S/n: Idiota! - disse dando um soco na sua barriga mas acabei por magoa-lo!

Zayn: Ahhhh ... É preciso ser assim?

S/n: Não seja parvo seu idiota! - disse dando um selinho nele e entrando o colégio. Abri a porta do quarto e ajudei Zayn a se sentar na cama e fui pegar os curativos pra cuidar das suas feridas. Passei álcool na sua ferida e ele começou gemendo.

Zayn: Ai ... Pára, pára tá ardendo ...

S/n: Vai respira! - disse sorrindo e ele se acalmou um pouco.

Zayn: FODASSE TÁ ME MACHUCAR! - voltou a gritar

S/n: Paciência! Não tivesse provocado o garoto à pouco e ele não dava uma coça em você!

Zayn: Ele não dava uma coça em você! - disse imitando minha voz.

S/n: Ai é?! Se cuide sozinho então ... - me levantei.

Zayn: Não sei! Vem cá não foge de mim ... - A mão de Zayn amarrou meu braço e me deitou sobre ele.

 

Zayn: AHHHHH MEU PEITO!!

Continua...

---------------------------------------Andy--------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário